16/04/2020

Vinho tinto leve: a bebida do outono

Natália Frighetto RS

Foto: Skitterphoto/PexelsO outono chegou. Nesta época do ano, temos calor ao longo do dia e um friozinho que chega ao entardecer, junto com um pôr do sol com as maiores variações de cores possíveis. Além de ser a minha estação preferida do ano, é quando intensificamos ainda mais o consumo de vinhos.

O inverno que está por vir nos lembra bebidas que trazem conforto. Por isso, o protagonismo do vinho tinto prevalece. Mas qual bebida escolher para esses dias?

Dentro do mundo dos rótulos tintos, há os leves - ou “tintinhos”, como carinhosamente os chamo. Eles têm menor potencial alcoólico, menor intensidade de cor, de taninos, e praticamente não utilizam a técnica da passagem por madeira. Mas, por outro lado, são frutados e frescos, o que nos permite resfriá-los antes de consumir.

Como saber se o vinho é leve ou não? Algumas uvas, como pinot noir, gamay, pinotage e grenache, possuem menos tanino e menos coloração, portanto, são comumente encontradas em rótulos leves. Mas técnicas de produção, tipos de assemblage, região e terroir são características que também podem auxiliar na hora de definir um vinho menos complexo.

Na compra, a dica é observar o percentual alcoólico, a passagem por madeira e o ano de safra. Bebidas leves geralmente são mais jovens, embora quando falamos de vinho sempre haja exceção.

Os leves são perfeitos quando temos calor e frio no mesmo dia, ou para ser servido no churrasco de domingo - enquanto saboreamos as entradas, podemos deixar a garrafa por 15 minutinhos na geladeira, assim, a bebida ficará agradável na hora de servir e não aquecerá o nosso corpo como um rótulo intenso. 

Depois do descanso, você pode servir o mesmo vinho para apreciar o pôr do sol de outono. Tenho certeza de que a bebida vai harmonizar perfeitamente com a ocasião e confortar este momento que estamos passando.

Para auxiliar na experiência, selecionamos rótulos nacionais de vinhos leves para você degustar.

VINHOS TINTOS LEVES
Dunamis Cor
Preço médio: R$ 45

Estância Paraizo Don Cabernet Sauvignon
Preço médio: R$ 46

Miolo Wild Gamay
Preço médio: R$ 52

Almadén Pinotage
Preço médio: R$ 28

Capella dos Campos Pinot Noir
Preço médio: R$ 65

Salton Paradoxo Pinot Noir
Preço médio: R$ 48

Receba nosso conteúdo!

Digite um nome válidoDigite um nome válido
Digite um e-mail válidoDigite um e-mail válido

Cadastro efetuado com sucesso!

Erro no Cadastro!

Email já cadastrado!

Mail Chimp erro:

RS Natália Frighetto