11/07/2018

Capone Drinkeria: speakeasy com drinks mafiosos | Porto AlegreRS

Giovanni Aloise

Carregando a galeria...
O famoso Scarface, com a "cicatriz"
O famoso Scarface, com a
Me vê uma jarra de I Know it was you, Fredo!
Me vê uma jarra de I Know it was you, Fredo!
O famoso Negroni
O famoso Negroni
TexMex Mafia e seu açucar em volta do copo!
TexMex Mafia e seu açucar em volta do copo!
Veggie Wings para aguentar os drinks!
Veggie Wings para aguentar os drinks!
Cosmopolitan para revisitar os clássicos.
Cosmopolitan para revisitar os clássicos.
E esse brownie aí que quase me fez esquecer os drinks?
E esse brownie aí que quase me fez esquecer os drinks?
American Bee’s Knees para fechar a noite
American Bee’s Knees para fechar a noite
Uma conferida no "pequeno" bar
Uma conferida no
Decoração caprichada em todos os detalhes
Decoração caprichada em todos os detalhes
O lugar é pequeno, mas o clima é incrível
O lugar é pequeno, mas o clima é incrível
Saca essa fachada super discreta para já dar o tom do lugar!
Saca essa fachada super discreta para já dar o tom do lugar!

POR QUE IR?
- Uma pequena porta discreta, sem chamar muita atenção. Assim os bares usavam a criatividade para driblar a polícia durante a Lei Seca, na década de 20 nos Estados Unidos. Passadas já algumas décadas e sem ter a mesma preocupação, o Capone Drinkeria se valeu dessa criatividade para estabelecer um bar que, honestamente, na minha opinião, tem os melhores drinks da cidade.

- O bar já existe há alguns anos e, para nossa sorte, permanece lá fazendo drinks cada vez mais inovadores, sem esquecer as clássicas e tradicionais receitas.

CLIMA DO LUGAR
-  Uma fachada toda preta com uma taça de Martini iluminada. Na correria do dia, você pode ter passado reto por ali umas cinquenta vezes. Ao entrar, um bar com luz baixa, iluminação indireta e poucos lugares. O clima perfeito para reunir alguns bons amigos ou ter uma noite a dois incrível.

- O bar todo iluminado com incontáveis bebidas, os cartazes da época da Lei Seca americana espalhados e até os abajures fazem você se sentir em outra época.

PROVAMOS E RECOMENDAMOS
- Tudo começou com um clássico Negroni (R$ 22) feito com uma pequena releitura da própria Capone. Eu que não sou nenhum expert em negronis achei ótimo e o sabor também não estava muito amargo.

- Resolvemos arriscar o TexMex Máfia (R$ 25), que leva tequila, maracujá, triple sec, calda de pimenta e limão caramelizado com açúcar. Não bastasse o drink ser espetacular, a apresentação dele, com o açúcar em volta do copo, já faz qualquer food hunter maluco sair tirando várias fotos (mea culpa, ok!).

- Rápido pit-stop para falar das comidas: pedimos a novidade Veggie Wings (R$ 28), que é uma releitura do buffalo wings com couve-flor assada e molho búfalo. Achei surpreendente, e olha que eu nem gosto muito de couve-flor. Obviamente que não poderia sair de lá sem também pedir o Jack Daniels Sliders (R$ 34), um trio de mini sanduíches de costela de porco com molho barbecue. Acompanha também batata frita. Esses pratos foram mais do que suficientes para duas pessoas, até porque nosso foco lá era entrar para dentro do copo!

- Voltando a programação normal: também não tem como sair de lá sem pedir o carro-chefe da casa, o Scarface (R$ 22)! Feito de conhaque, limão, soda e calda de gengibre, a combinação deles faz um drink pouco amargo, puxando mais para o cítrico e bem leve. Não à toa, é o mais pedido.

- Mas daí chegamos no meu favorito: I Know it was you, Fredo! (R$ 23). Sério, o nome é bom, a cara dele é otima, o sabor é sensacional! Na receita vai bourbon, calda de maçã, canela e uma estrela de anis em cima para fazer o tchananã final. Vai na dica do tio aqui e pede esse.

- Eu poderia estar na lona, mas bravamente resisti e pedimos para o pessoal do bar preparar alguma surpresa para nós: então veio um clássico Cosmopolitan (R$ 23) para encerrar a noite.  Dica: nem todos os clássicos estão no cardápio, mas vale a pena dar uma consultada para ver se eles fazem também.

- E quem disse que encerramos a noite? Calma lá, e o docinho? Te segura com muita força aí na cadeira porque você precisa encarar o Peanut Butter Brownie (R$ 19). Um pote com muito doce de leite e brownie e mais um monte de coisas doces que nos deixam muito felizes. É doce, muito doce, muito bom, muito gigante para uma pessoa só, mas pense em um negócio louco de delicioso!

- Agora eu juro que vou encerrar a noite: American Bee’s Knees (R$ 23) é a saideira que você respeita. Bourbon, suco de limão e mel. Leve, pouco adocicado, é praticamente aquele cafezinho do restaurante para sair com a sensação de que foi tudo perfeito.

SÓ TEM LÁ
- Porto Alegre tem poucas, mas ótimas e criativas drinkerias. A Capone se mantém ativa na cidade com seu cardápio variado e drinks que agradam a todos os paladares.

- O bar tem um estilo “speakeasy”, que eram os bares clandestinos, por isso passa aquela sensação que você está em outra época.

IDEAL PARA
- Ir a dois; ir com a galera.

Capone Drinkeria
Endereço: R. Castro Alves, 449 - no bairro Independência
Facebook: www.facebook.com/CaponeDrinkeria/ 
Horário de funcionamento: segundas, terças e quartas, das 19h às 23h; quintas, sextas e sábados, das 19h à 0h
Reservas: em razão do tamanho recomenda-se fazer reserva
Formas de pagamento: Cartões Mastercard e Visa

RS Giovanni Aloise