24/05/2019

Dom Henrique: o espeto corrido do bairro Menino Deus | Porto AlegreRS

Natália Frighetto

O QUE É: uma churrascaria de espeto corrido no Menino Deus
IDEAL PARA: ir com a família, com os amigos ou para um almoço de firma
PROVAMOS E RECOMENDAMOS: espeto corrido (R$ 35 de terça à sexta, R$ 40,00 nos finais de semana)

Como boa gaúcha, não pode faltar um churrasco na semana.  Meu apartamento ainda não tem churrasqueira e, como moro no Menino Deus, a Dom Henrique é sempre uma opção para quando bater a vontade de comer uma carninha e em dias de jogo aos domingos no Beira-Rio, é inevitável almoçar um bom assado antes de fazer o caminho do gol.

Leia também
Nono Ludovico: um rodízio de pizza para ninguém colocar defeito | Porto Alegre
10 restaurantes para comer uma boa parrilla em Porto Alegre

A Dom Henrique é uma churrascaria de espeto corrido (R$ 35) bem familiar, de ambiente simples mas, que ao entrar, temos a certeza que vamos comer bem. Aqueles lugares que antes de sentar já tem o garçom esperando para servir na mesa a polenta frita, maionese, vinagrete, cebola na conserva, entre outos itens que não ganham a minha atenção.

Comentava com as gurias que a Dom Henrique era como se fosse no meu quintal de casa. Até que em uma sexta no escritório, com aquela vontade de ir pra casa e a pauta não permitir, coloquei elas no Valente (meu carro) e fomos viver essa experiência gastronômica. Chegamos, nos posicionamos e começou aquele vai e vem de carnes e celulares na mão para não perdemos nenhum detalhe. Eu, bem desapegada, esqueci o celular na firma e pedi ajuda para a Amandinha com as fotos.

Para comerçar, umas polentinhas fritas, bem fininha e sequinhas, que separo na cara dura da porção as minha preferidas. 

Depois, contei para elas que tem coraçãozinho de galinha no espeto corrido, foi uma gritaria com mistura de ansiedade até chegar o destaque da casa.  Eu, frequentadora nata, já montei a tríplice coroa no prato: coração de galinha, maionese da casa e vinagrete.  Uma garfada com esses três itens é sinônimo de sucesso, o sabor do coraçãozinho, com o amido da batata e a acidez do vinagrete faz a alma trocar de cor.

Para os amantes de ossinho, meu ponto fraco, tem costela passando o tempo todo.  Para quem gosta mais torradinha, como a Vic tem opção e quem prefere mais vermelhinha como eu e a Amandinha também tem, é ou não é churrasco de quintal de casa?

Vazio e maminha completam o meu time de carnes, com lindas peças grandes e suculentas vão cortando os pedaços e servindo no prato. 

Ainda tem opção de frango, salsichão e carne de porco. Como boa gordinha, sou de repetir então deixo espaço para os meus preferidos, como a tríplice coroa e a costelinha.

Conversa vai e conversa vem, uma coquinha de sobremesa para ajudar a "sentar" o almoço porque temos que voltar ao trabalho. Em dias que saio da Dom Henrique e caminho até o Beira-Rio, o refrigerante (R$ 5) também faz parte do pacote para dar aquele gás para a caminhada.

O melhor de tudo, é que as regras são bem claras e estão nas paredes para todos verem. "Não aceitamos nenhum tipo de cartão", "peça sua conta na mesa" e a melhor de todas "não embalamos comida para seu animalzinho, por favor, não insista". Então, é só levantar a mão, pedir a conta, pagar no dinheiro e sair para o abraço.  

CHURRASCARIA DOM HENRIQUE
Endereço:
 Av. Getúlio Vargas, 1170 - Menino Deus, Porto Alegre.
Telefone: (51) 3233-5811
Horário de funcionamento: terça a sábado das 11h às 14h20 e das 18h às 23h30, e domingos das 11h às 15h30.
Reserva: não precisa, mesmo lotado é rápida a lista de espera.

Receba nosso conteúdo!

Digite um nome válidoDigite um nome válido
Digite um e-mail válidoDigite um e-mail válido

Cadastro efetuado com sucesso!

Erro no Cadastro!

Email já cadastrado!

Mail Chimp erro:

RS Natália Frighetto