12/03/2015

Oak Bar, luxo acessível no Park HyattAR

Amanda Mormito

Concordo sim que há coisas que o dinheiro não compra, mas para tantas outras (não, não vou falar o slogan da propaganda que, por sinal, é muito boa) ele dá uma bela empurrada, né? Essa pessoa que vos fala já teve oportunidade de se hospedar em lugares 6 estrelas quando nem sabia que essa classificação de hotel existia. Não, não era prioridade da minha vida mas, quem recusa? Existe um mundo, desculpa aí ingenuidade, tão cheio de grana que minha imaginação até então não havia descoberto. Agora, o que pouca gente sabe ou quer enxergar é que há certos tipos de experiência que são possíveis. Um exemplo é o Park Hyatt em Buenos Aires.

Não falo aqui do hotel em si, se bem é maravilhoso ele foge um pouco da realidade de muitas pessoas, mas sim da experiência que ele pode te fornecer nas instalações requintadas de sua construção em um dos bairros mais finos da capital porteña, Recoleta.

Tudo por lá é bem clássico e entendo que muita gente pode se sentir desconfortável ao se deparar com lustres gigantescos, brilhantes e cheios de pedrarias, entre outros. Mas calma.  

Passando pela ilustre recepção, a parte de trás do hotel revela um jardim de exuberante charme que valoriza muito a arquitetura do palácio tombado que hoje abriga as suítes mais finas da rede. Esse jardim é composto de três opções: um salão de chá que serve também almoço, uma cava de vinhos que serve também petiscos e um restaurante italiano do outro lado.

Todas essas alternativas convivem bem na área do hotel e criam um clima de “meu Deus, não quero ir embora”. Eu poderia usar inúmeros adjetivos para descrever o conjunto: jardim, mesas ao ar livre, arquitetura deslumbrante, luxo e gastronomia, mas não me vem nenhuma a cabeça por enquanto. Confesso que tenho mais criatividade quando estou com um copo a mão. Quem sempre?

É tanta magia que sai com vontade de fotografar cada detalhe que sucumbia pelas paredes e tintilar de talheres que ia ouvindo a medida que ia passando pelas mesas e descobrindo as belezas do lugar. 

Era noite e as luzes que refletiam na construção me fizeram achar que estava em algum lugar bonito de Paris. Acredito que a essa altura eu já tinha bebido algo.

Entre as opções escolhemos nos sentar no bar do hotel, o Oak. Ele fica ao lado do salão de chá e é apto para fumantes (charutos e cigarros são bem-vindos). Tem uma sacadinha que tem vista para o lindo jardim, mas as instalações de dentro não deixam a desejar. Exceto que você se irrite com fumaça.

Nos sentamos do lado de fora e pedimos um Negroni. Aquela clássica combinação de gin, Campari e Vermouth. Para os mais entendidos, a variedade de gins é grande. 

E um clássico, as well, Old Fashioned que além de ser um clássico e ser o drink Mad Men vai Angostura e whisky na essência. Ambos drinks estavam bem feitos. Não foram os melhores que provamos na cidade, mas a experiência foi divina.

Calma, ainda não terminei. Para harmonizar os tragos pedimos uma degustação de doces. Drink e doce e jardim, eita gente fantástica combinação. Não lembro tim tim por tim tim o que vinha, mas tinha um doce com recheio de creeme brulee, doce com chocolate meio amargo.

Copinho de cheesecake descontruída.

E outro doce de chocolate divino. Tudo estava bem gostoso e descobri que amo combinar doce e drink. Para quem não está acostumado eis uma maneira ótima de começar a arriscar e pedir cocktails mais clássicos sem estranhar tanto o gosto ou sem saber muito bem degustar as bebidas.

Tão feliz fiquei que não liguei e pedi depois uma tacinha de vinho branco Colomé, Torrontés vindo direto de Salta. Que vinho excelente.

Vieram uns petiscos da casa.

E finalizamos com um gin e limão. Hendricks, por favor.

Lembra lá no começo do post que eu comentei que esse luxo era possível? Então, cada drink custa ao redor de 80 pesos, a degustação de doces foi 200 mas serve vem duas pessoas famintas e fãs de doce. A tacinha de vinho saiu por 80 também e o trago final 90. Nada de outro mundo, não é?


Oak Bar - Palacio Duhau - Park Hyatt
Avenida Alvear 1661, Recoleta
Buenos Aires/Argentina
Fone: (+5411) 5171-1234
Aceita cartões Visa, Master e American

www.buenosaires.park.hyatt.com

 

Receba nosso conteúdo!

Digite um nome válidoDigite um nome válido
Digite um e-mail válidoDigite um e-mail válido

Cadastro efetuado com sucesso!

Erro no Cadastro!

Email já cadastrado!

Mail Chimp erro:

SP Amanda Mormito