04/07/2018

Osteria Della Colombina: comida, carinho e história | GaribaldiRS

Isadora Andrade

Carregando a galeria...
A Osteria Della Colombina fica na tranquila Comunidade Linha São Jorge, no interior de Garibaldi
A Osteria Della Colombina fica na tranquila Comunidade Linha São Jorge, no interior de Garibaldi
Osteria Della Colombina: comida, carinho e história em Garibaldi
Osteria Della Colombina: comida, carinho e história em Garibaldi
O restaurante da família de Odete Bettú Lazzari faz parte do roteiro Estrada do Sabor
O restaurante da família de Odete Bettú Lazzari faz parte do roteiro Estrada do Sabor
É no porão da casa da família Bettú que funciona a Osteria
É no porão da casa da família Bettú que funciona a Osteria
O porão mantém o piso de chão batido, exatamente como era nas casas dos imigrantes italianos
O porão mantém o piso de chão batido, exatamente como era nas casas dos imigrantes italianos
O ambiente é cheio de charme e de lembranças dos antepassados da família
O ambiente é cheio de charme e de lembranças dos antepassados da família
As fotos e o objetos estão por todos os lados, enfeitado cada cantinho da Osteria
As fotos e o objetos estão por todos os lados, enfeitado cada cantinho da Osteria
Prove os vinhos da casa
Prove os vinhos da casa
A polenta brustolada é servida como entrada
A polenta brustolada é servida como entrada
Em seguida, vem a sopa de agnolini
Em seguida, vem a sopa de agnolini
A salada com folhas da horta e frutas da estação é fresquíssima
A salada com folhas da horta e frutas da estação é fresquíssima
Você nunca mais vai esquecer deste nhoque depois que provar
Você nunca mais vai esquecer deste nhoque depois que provar
O frango com molho é uma delícia, se desmancha na boca
O frango com molho é uma delícia, se desmancha na boca
Carne de panela à moda antiga, cozida com legumes
Carne de panela à moda antiga, cozida com legumes
A fortaia - espécia de omelete dos gringos - fecha a refeição
A fortaia - espécia de omelete dos gringos - fecha a refeição
Guarde um espacinho para provar as sobremesas caseiras
Guarde um espacinho para provar as sobremesas caseiras
O sorvete caseiro com fregolá e o pudim são ótimos
O sorvete caseiro com fregolá e o pudim são ótimos
Os pães em forma de pomba, chamados de colombinas, são dados de presente
Os pães em forma de pomba, chamados de colombinas, são dados de presente

POR QUE IR?
- A Osteria Della Colombina é um lugar para se apaixonar. Pela comida, pela história da família Bettú e pelo carinho com que se é recebido. Por lá, você terá a oportunidade de provar a típica comida dos imigrantes italianos que chegaram àquelas terras em outros tempos.

- Tudo que se come e bebe na Osteria é fruto do trabalho de Odete Bettú Lazzari e suas quatro filhas: Rosângela, Raquel, Roselaine e Raísa. São elas que plantam, colhem, cozinham e servem os visitantes. Do vinho e suco de uva ao pão colonial e nhoque, tudo resultado do amor daquela família por receber bem.

- A Osteria fica na Comunidade Linha São Jorge, localidade que faz parte do roteiro turístico Estrada do Sabor. O caminho rural, que fica entre Garibaldi e o Vale dos Vinhedos, reúne cinco famílias que têm como principal atividade a agricultura e que abrem as portas de suas casas para os turistas, a fim de mostrar suas histórias e estilos de vida. 

CLIMA DO LUGAR
- Enquanto o almoço não é servido, é possível aproveitar o jardim da casa, com um bonito gramado, árvores e balanço. A tranquilidade reina absoluta por aqueles lados da Linha São Jorge.

- Os almoços da Osteria são servidos no porão da casa, que ainda mantém o piso de chão batido, assim como eram os porões das moradias dos imigrantes. Hoje é puro charme! O ambiente, bem rústico, possui algumas mesas compridas e compartilháveis, o que torna a experiência ainda mais única. Nas paredes, recordações dos antepassados em fotos e objetos, além de muitos diplomas conquistados por Odete ao longo dos anos e que são orgulhosamente expostos.

PROVAMOS E RECOMENDAMOS
- Sem nenhuma pressa - esquema Slow Food total - é servido à mesa uma sequência de entradas, sopa de agnolinisalada, massas e carnes, ao valor de R$ 70 por pessoa. É possível repetir os pratos que você quiser.

- Enquanto você se acomoda na mesa e vai fazendo amizade com os outros "vizinhos", é oferecida uma polenta brustolada (feita na chapa) com queijo e salame artesanais, para forrar o estômago.

- Em seguida, chega a sopa de agnolini à mesa. Agnolini pequenino, leve, delicioso. Acompanhado de fatias de pão colonial e queijo ralado.

- Depois, é a vez da salada orgânica, com folhas da horta e frutas da estação.  Tudo muito fresco e cheio de sabor.

- A carne lessa, cozida no caldo da sopa, chega em uma pequena travessinha, para quem é fã.

- O grande destaque do almoço é, sem dúvidas, o que vem na sequência: o nhoque rústico a três queijos com linguiça e o frango com molho. De sujar o bigode de tão bom.

- Em seguida, mais uma receita tradicional da casa, a carne de panela com legumes.

- Para finalizar o almoço, ainda é servida a fortaia, uma espécia de omelete bastante apreciada na região.

- Depois deste verdadeiro banquete colonial, é preciso reservar um espaço para as sobremesas. Tem pudim, doce de abóbora e sorvete caseiro com fregolá. Daqueles doces bem caseiros, com gostinho de casa de vó.

SÓ TEM LÁ
- Conhecer a história de Odete Bettú Lazzari é inspirador. O negócio teve início em 2001, quando ela se viu viúva e responsável pelo sustento das quatro filhas. Foi aí que surgiu a ideia de adaptar o porão da casa em que moravam. Odete, com apoio das filhas, estudou Gastronomia, Turismo e, reunindo as receitas de suas nonas italianas, transformou o velho porão em um restaurante cheio de alma.

- Uma das marcas registradas do lugar são as colombinas, um pão em formato de pombinha, que é dado aos visitantes ao final do almoço, como recordação de um almoço especial. Um mimo.
Osteria Della Colombina
Endereço:
 Comunidade Linha São Jorge - Garibaldi - RS
Telefones: (54) 3464 7755 e (54) 9121 1040
Site: www.estradadosabor.com.br/odete_bettu
Facebook: www.facebook.com/osteriacolombina
Formas de pagamento: somente dinheiro ou cheque
Horário de funcionamento: almoços aos sábados e domingos
Reservas: é necessário efetuar reserva para os almoços

RS Isadora Andrade