01/03/2015

Si Querida, delícia escondida em MaldonadoUR

Diego Fabris

"Ouvi falar em um lugarzinho escondido que serve comida boa em Maldonado, topas?". Assim foi o convite que meu amigo Gornatti fez para conhecer o Si Querida. Não pensei duas vezes e fomos lá.

Quando chegamos, um grupo de pessoas fazia fila em frente a uma portinha discreta. Achei que teria que esperar muito pois eles não fazem reservas. Com muita sorte, tinha uma mesa para 4 livre que não comportava o grande grupo da fila. Lá fomos nós.

Nossa mesa era "a do piano" como disse a atendente. Subimos umas escadas para uma espécie de mezanino privê, onde cabíamos nós e o piano apenas.

A decoração do lugar oscilava entre o rústico e o clichê, mas uma trilha sonora variada dava personalidade ao lugar.

O relógio marcava quase meia noite e a fome era grande, então rapidamente todos recorreram ao pão do couvert enquanto elegíamos algumas entradas.

Gornatti pediu o queso parrillero.

A Mari pediu uma salada pra lá de ornamental. Era a Ensalada Glam, com variedade de folhas verdes, lâminas delicadas de parmesão, tomates cereja, brotos de soja e jamon serrano, temperada com vinagre balsâmico.

Quando vi o forno de barro no caminho até a nossa mesa, ficou fácil escolher a pizza marguerita como entrada. E estava ótima, bem fininha e com queijo na medida.

Pra acompanhar o momento, escolhi um malbec chamado Animal, dos vinhedos do Catena. Encorpado como todo bom malbec é. 

As entradas foram tão bem servidas que os pratos podiam ser menores. Mas não eram. Todo mundo remou pra terminar o seu. A começar pelo salmão da Mari que vinha com purê de ervilhas e um molho vinagrete cítrico.

Gornatti e Glaura pediram o mesmo prato, o carro chefe da casa: nhoque de brócolis gratinados com molho de bacon e cogumelos. Tasquei um garfo ali e comprovei que era bom demais.

Mas o meu prato não ficou pra trás. Era uma generosa bondiola de cerdo (porco) servida com um molho e mel e mostarda Dijon. Pra acompanhar, batata doce e abóboras assadas.

Gostei da apresentação de todos os pratos, um dos pontos altos do lugar. Na minha opinião, o mais bonito da noite seria o último, uma panqueca fininha de maçã caramelizada com um delicioso helado de canela. Combinação perfeita que foi compartilhada por toda a mesa. 

Tudo que é bom tem um fim e veio a conta pra anunciar ele. Cerca de 100 reais por pessoa foi o que gastamos, um valor honestíssimo para a quantidade e qualidade da comida. Importante, eles não aceitam cartões de crédito. Dólar, pesos ou reais sim.

Si Querida, gostamos e voltaremos na próxima temporada. 

Ventura Alegre, 236

Maldonado - Uruguai

(+598) 9995.2690

www.facebook.com/SiQueridaPetitResto

Receba nosso conteúdo!

Digite um nome válidoDigite um nome válido
Digite um e-mail válidoDigite um e-mail válido

Cadastro efetuado com sucesso!

Erro no Cadastro!

Email já cadastrado!

Mail Chimp erro:

Free Pass Diego Fabris