23/08/2018

4 receitas de drinks clássicos

Destemperados

Como não amar receitas tão tradicionais e importantes para a coquetelaria? Bruna Abeijon, Frederico Müller, Mahara Soldan e Renato Mussa, que comandam bares muito legais em Porto Alegre, compartilharam seus drinks preferidos com a gente.

BLOODY MARY - por Bruna Abeijon

Bruna iniciou no mundo da coquetelaria há seis anos, no Dirty Old Man, em Porto Alegre. Atualmente, ela é sócia-proprietária e comanda o bar do Vasco 1020. Algumas fontes afirmam que esse drink surgiu com partes iguais de vodka e suco de tomate, mas, atualmente, a receita considerada oficial é a que compartilhamos abaixo. Essa é a dica da Bruna, que pela praticidade em prepará-lo, adora beber em casa.

"O Bloody Mary teve um papel muito importante na minha história com a coquetelaria. Esse foi o drink que mais me marcou durante a primeira viagem de estudos etílicos. Na época, pensava que o correto era reproduzir perfeitamente um clássico, mas ao ver as reinterpretações que o pessoal fazia, descobri uma nova perspectiva".

Ingredientes
- 50ml de vodka
- 130ml de suco de tomate
- 3 gotas de molho inglês
- 5 gotas de Tabasco
- 1 pitada de sal
- 1 pitada de pimenta preta moída

1. Disponha todos os ingredientes, menos a pimenta preta, em uma coqueteleira.
2. Adicione cubos de gelo e misture. Esse drink não pode ser batido para não diluir a bebida.
3. Disponha a mistura em um copo com gelo. Acrescente a pimenta e beba em seguida.

RAMOS GIN FIZZ - por Frederico Müller

Apaixonado por destilados, Fred é um grande conhecedor de gin. Atualmente, ele comanda o bar do Olivos 657, em Porto Alegre, onde também é um dos proprietários. Criado por Henry Charles Ramos, em 1988, o drink era chamado de New Orleans Fizz. Feito com gin, o coquetel leva clara de ovo e creme de leite para dar mais refrescância e cremosidade. A principal dica é: quanto mais você chacoalhar o drink na hora de prepará-lo, melhor ele fica.

"Bebi pela primeira vez o drink em uma ida  a São Paulo, achei legal e fui pesquisar sobre. Não está no cardápio do Olivos, mas se o cliente quiser provar, a gente pode prepará-lo. O gin é um dos meus destilados preferidos, talvez por isso eu goste tanto desse drink".

Ingredientes
- 50ml de gin
- 15ml de limão tahiti
- 15ml de limão siciliano
- 25ml de xarope de especiarias
- 35ml de creme de leite
- 20ml de clara de ovo
- 25ml de água com gás
- Spray de água de flor de laranjeira

1. Em uma coqueteleira, disponha o gin, os limões, o xarope, o creme de leite e a clara de ovo. Bata tudo sem gelo por cerca de 10 minutos.
2. Adicione cubos de gelo e bata novamente por mais dois minutos.
3. Em um copo resfriado, coloque água com gás. Acrescente a mistura da coqueteleira usando um coador.
4. Finalize com spray de água de flor de laranjeira.
5. Decore com uma fatia de laranja.

TOASTED NEGRONI - por Mahara Soldan

Mahara é proprietária da Capone Drinkeria, na Capital. Apaixonada por drinks, o seu clássico preferido é o Negroni –que é um dos coquetéis mais pedidos por lá.  Há algumas histórias sobre como surgiu a bebida. A mais conhecida é sobre o conde Camilo Negroni, um italiano que adorava beber o Americano, um drink muito famoso na época, que levava Campari, vermute e água com gás. Por volta da década de 1920, o conde pediu que o bartende criasse uma versão mais forte, então ele substituiu a água pelo gin london dry, e assim surgiu esse coquetel tão conhecido e amado no mundo todo.

"É o meu preferido pelo amargor, pela complexidade e pela profundidade dos sabores. É um drink simples e certeiro, que combina com aperitivos. Além disso, ele pode ter algumas variações bem diferentes."

Ingredientes
- 30ml de Campari
- 30ml de gin
- 30ml de vermute rosso
- 1 rodela de laranja desidratada
- Grãos de café

1. Defume o copo com laranja desidratada e grãos de café. Em uma superfície que pode ser queimada, como uma bancada de aço inox, uma frigideira de ferro ou uma tábua própria, toste com um maçarico a rodela de laranja e os grãos de café até soltarem uma fumaça aromática. Cubra tudo com o copo e deixe aromatizando enquanto prepara o drink.
2. Em um mixing glass, misture uma dose de cada uma das bebidas (gin, vermute e Campari) com bastante gelo. Mexa com uma colher bailarina até tudo ficar bem gelado.
3. Sirva com gelo no copo que foi defumado.
4. Decore com a laranja desidratada.

TOMM COLLINS - por Renato Mussa

Com 15 anos de experiência, Mussa assina a carta com mais de 40 drinks do Dry Moments & Drinks, em Porto Alegre - antes, o mixologista paulista já esteve à frente de bares como o Fellows, em São Paulo. O Tom Collins vem da família dos coquetéis chamados Collins – é muito refrescante e gostoso. Surgiu na década de 1990, e é um sucesso até hoje. Composto por gin, suco de limão, açúcar e Club Soda, o drink tem uma acidez marcante. Existem algumas variações, mas o mais comum é colocar limão siciliano e cereja para finalizar.

"Esse drink me marcou muito pois foi o primeiro que bebi a bordo de um navio, quando trabalhava em cruzeiros. Um bartender italiano me serviu, lembro que ele tinha um atendimento incrível e fazia todo o lúdico do bar que eu sempre gostei. Esse dia eu pensei que queria ser esse cara".

Ingrediente
- 50ml de gin
- 30ml de suco de limão siciliano
- 20ml de xarope de açúcar
- Club soda (o quanto baste)

1. Em uma coqueteleira, bata o gin, o suco de limão e o xarope de açúcar.
2. Passe a mistura para o copo que for servir com coagem simples.
3. Complete com Club Soda.
4. A dica é servir com um gomo de limão siciliano e uma cereja.

Receba nosso conteúdo!

Digite um nome válidoDigite um nome válido
Digite um e-mail válidoDigite um e-mail válido

Cadastro efetuado com sucesso!

Erro no Cadastro!

Email já cadastrado!

Mail Chimp erro: