18/04/2019

Escola da vida | Diogo Carvalho

Diogo Carvalho

Dizem que a gente só entende como é ser um bom filho depois que vira pai. Talvez porque seja sobre aprender e ensinar na mesma medida, tudo ao mesmo tempo. 

Leia também
Já pensaram nisso? | Luiz Américo Camargo
Old is cool | Diogo Carvalho

O Francisco acabou nos tornando pessoas muito melhores do que éramos antes. Existe a partir de agora um filtro de bons exemplos a serem dados e hábitos positivos a serem criados, sempre com o objetivo de viver momentos inesquecíveis, tanto para ele quanto para nós. 

A forma como nos alimentamos e nos portamos diz muito sobre o tipo de cara que ele vai ser, imagino eu. Tem todo um cuidado de explicar o que teremos para o jantar, por exemplo, mostrando nas panelinhas ainda fumegantes. De pôr sempre uma mesa bem arrumada e, completando o ritual, sentarmos todos juntos para conversar sobre o dia. 

Ele está em uma fase em que só quer comer sozinho, não quer mais que dê na boca. Ao mesmo tempo que é divertidíssimo, assusta um pouco por trazer um significado de que o tempo voa. 

Não vai mais acontecer de brincar de olha o aviãozinho enquanto recrio perfeitamente o som de um jato chegando em alta velocidade para entrar na pista de pouso. Mas também faz com que ele entenda a quantidade de comida necessária e curta o momento exatamente no ritmo dele. 

Esses dias, a Renata preparou um tagliatelle à bolonhesa que deixaria a Lela orgulhosa. Massa feita no muque mesmo, o ragu preparado lentamente e o queijo raladinho na hora, mais fresco impossível. 

Esse processo de ralar foi o preferido do Chico, particularmente. Gostou tanto que me custou a peça toda, não quis parar até que acabasse. 

Sentamos todos, cada um com o seu prato, brindamos nossas taças de vinho com o copinho de água dele e devoramos lentamente um dos jantares mais deliciosos dos últimos tempos. 

São momentos como esse que me dão aquele arrepio na espinha e fazem com que eu queira parar o mundo para viver eternamente dentro de um instante. O problema é que talvez eu demore a entender o que realmente é ser pai. Dizem que só se aprende quando se vira avô. 

O Destemps agora tem um podcast! O Foodcast é nosso bate-papo semanal sobre o mundo da gastronomia. Escuta aí:

 

Receba nosso conteúdo!

Digite um nome válidoDigite um nome válido
Digite um e-mail válidoDigite um e-mail válido

Cadastro efetuado com sucesso!

Erro no Cadastro!

Email já cadastrado!

Mail Chimp erro: